banner ad
Advertisement

Professores dão dicas para lidar com a ansiedade às vésperas do Enem

| 12 de janeiro de 2021

Sugestões incluem descanso, boa alimentação e planejamento

Lidar com a ansiedade antes de fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ficou ainda mais complicado este ano, em meio à pandemia do novo coronavírus. Por isso, professores recomendam que os estudantes descansem, alimentem-se bem e que separem com antecedência tudo que precisarão levar no dia do exame.

Como professora, o que estou passando para os meus alunos é o que a gente conseguiu estudar, nós estudamos até sexta-feira (8). A partir de agora é organizar a caneta, a máscara, o álcool em gel. Olhar o seu Cartão de Confirmação da Inscrição para ver onde vai fazer a prova. Verificar se conhece o lugar, se sabe como chegar. Se organizar para a prova, para não deixar para a última hora”, diz a professora de português da Escola Estadual Amélio de Carvalho Baís, de Campo Grande (MS), Letícia Cintra. 

De acordo com o coordenador pedagógico do ProEnem, Leandro Vieira, uma forma de tentar driblar a ansiedade é se sentir minimamente preparado. Então, além de separar os itens para levar no dia do exame, a semana pode ser voltada para a revisão de conteúdo. “Fazer provas anteriores, rever provas de anos anteriores, assuntos que mais caem pode gerar confiança nos alunos”, diz. No site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) estão disponíveis todas as provas aplicadas e os respectivos gabaritos.

Vieira recomenda também que os estudantes tenham uma estratégia para fazer a prova. Isso ajuda a chegar no dia e saber como conduzir o exame, sem perder tempo. “A gente vê muitos alunos que chegam para o dia da prova e acabam ficando muito nervosos, muito ansiosos e acabam não conseguindo se concentrar naquele momento. Importante que vá para a prova sabendo por onde vai começar”, diz. 

A dica do professor é começar pela redação, pois é a única prova que não é possível resolver de maneira rápida. Ele recomenda que os estudantes dediquem cerca de uma hora para essa prova e que, em seguida, resolvam as questões com que têm mais afinidade, para garantir o acerto das questões fáceis. Neste domingo (17) serão aplicadas as provas de redação, linguagens e ciências humanas. No dia 24, os candidatos farão as provas de matemática e ciências da natureza. 

Para o professor de história do CEL Intercultural School, Rômulo Braga, a principal dica é não se comparar com os demais candidatos. Segundo ele, de formas diferentes, a pandemia causou impacto em todos os estudantes do país. “Não dá para usar a mesma métrica do ano passado. As coisas estão inconstantes e incertas. Não é saudável se adiantar e ficar ansioso em relação aos resultados. Este ano, todos terão resultados diferentes, alguns um pouco para mais e outros para menos. Ainda virão outras aplicações do Enem mesmo em 2021”, diz. 

Aulas em ano de pandemia 

O ano de 2020 não foi como os demais, nem para os estudantes, nem para os professores. Escolas e cursinhos preparatórios tiveram que se adaptar. “Foi um ano extremamente cansativo”, diz Vieira. “Foi um ano de vários testes, de tentativa e erro, daquilo que funcionava ou não funcionava no dia a dia. Realmente foi um ano cansativo para os professores e acho que esse cansaço também se refletiu nos alunos. A gente tem um Enem que nunca foi tão tarde. O Enem normalmente é no começo de novembro, então, são praticamente três meses a mais de estudos do que eles estão acostumados”, acrescenta. 

“Às vezes minha vontade era pular da tela para dentro da casa do aluno, para falar com ele, para motivá-lo a abrir a câmera, para trocar de roupa, sair do pijama”, diz Braga. “A maior desvantagem é a falta de contato. Aquele aluno que está desmotivado, mas que se motiva com a presença de outros, com a presença de um professor que ele gosta muito, tudo isso foi evitado”. 

Já Letícia Cintra precisou de fato ir à casa de estudantes para evitar que eles abandonassem os estudos. “Não perdemos ninguém, porque a  escola fez uma busca ativa. Se o estudante ficava 15 dias sem acessar o conteúdo, a gente ia atrás dele, ia à casa do aluno para levar atividade”, afirma. Ela conta que precisou também adaptar os próprios horários porque havia alunos que só tinham acesso à internet no fim do dia, quando os pais chegavam em casa com celular. “Atendia aluno às vezes até as 23h. Atendia aos sábados e domingos”. 

Em um ano em que ter acesso à internet fez diferença, as desigualdades ficaram mais evidentes. De acordo com levantamento feito pela plataforma de bolsas de estudos e vagas no ensino superior Quero Bolsa, 77,8% dos estudantes que se inscrevem no Enem têm internet em casa e smartphone ou computador. Eles têm, portanto, a conexão e o aparelho para conseguir acessar o material desenvolvido para ensino a distância. Já os demais  22,8%, por falta de infraestrutura, não conseguem assistir às aulas online. Os dados são do questionário socioeconômico do Enem 2019. 

Enem 2020

Ao todo, cerca de 5,8 milhões de estudantes estão inscritos no exame. O Enem 2020 terá uma versão impressa, nos dias 17 e 24 de janeiro, e uma digital, realizada de forma piloto para 96 mil candidatos, nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

As medidas de segurança adotadas em relação à pandemia do novo coronavírus serão as mesmas tanto no Enem impresso quanto no digital. Haverá, por exemplo, um número reduzido de estudantes por sala, para garantir o distanciamento entre os participantes. Durante todo o tempo de realização da prova, os candidatos estarão obrigados a usar máscaras de proteção da forma correta, tapando o nariz e a boca, sob pena de serem eliminados do exame. Além disso, o álcool em gel estará disponível em todos os locais de aplicação.

Quem for diagnosticado com covid-19, ou apresentar sintomas dessa ou de outras doenças infectocontagiosas até a data do exame, não deverá comparecer ao local de prova e sim entrar em contato com o Inep pela Página do Participante, ou pelo telefone 0800-616161, e terá direito a fazer a prova na data de reaplicação do Enem, nos dias 23 e 24 de fevereiro.

Fonte: Agência Brasil

Tags: ,

Category: Brasil, Destaques, Educação

Comments are closed.

Educação

Matemática e ciências da natureza são temas do Maratona Enem

Matemática e ciências da natureza são temas do Maratona Enem

Acompanhe a transmissão ao vivo da TV Brasil, hoje a partir das 14h A segunda prova do Exame Nacional do Ensino Médio ocorre neste domingo (24) em todo país e mobilizará estudantes que buscam uma vaga em universidades públicas. Para auxiliar esses jovens, o Ministério das Comunicações e a Secretaria de Educação do governo do […]

| 21 de janeiro de 2021
Inscrições para o Encceja terminam amanhã

Inscrições para o Encceja terminam amanhã

Provas para o ensino fundamental e médio serão no dia 25 de abril Termina amanhã (22) o prazo para a inscrição no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2020. A aplicação das provas para o ensino fundamental e médio será no dia 25 de abril deste ano e ocorrerá em […]

| 21 de janeiro de 2021
Belivaldo entrega 24 novos ônibus para renovar frota do transporte escolar em 19 municípios sergipanos

Belivaldo entrega 24 novos ônibus para renovar frota do transporte escolar em 19 municípios sergipanos

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), reforça a parceria com os municípios sergipanos em prol de uma educação democrática Nesta quarta-feira (20), o governador Belivaldo Chagas realizou a entrega de 24 novos ônibus escolares que irão atender a 19 municípios sergipanos. A ação […]

| 20 de janeiro de 2021

Economia

Emprego cresce na indústria em um movimento atípico para dezembro

Emprego cresce na indústria em um movimento atípico para dezembro

A informação foi divulgada hoje pela CNI A pesquisa Sondagem Industrial mostra que, pela primeira vez em dez anos, houve aumento de emprego no mês de dezembro. De acordo com o estudo da Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgado hoje (21), o índice de evolução do número de empregados ficou em 50,5 pontos, acima da […]

| 21 de janeiro de 2021
Fundat divulga oferta de novas vagas de emprego em Aracaju

Fundat divulga oferta de novas vagas de emprego em Aracaju

A Prefeitura de Aracaju, por meio da Fundação Municipal de Formação para o Trabalho (Fundat), divulga, nesta quarta-feira, 20, a oferta de novas vagas de emprego no mercado local. No total, são 14 vagas, destinadas às funções de cozinheiro, atendente-garçom, camareiro, além de vagas para pessoas com deficiência (PCD’s) para as áreas de serviços gerais […]

| 20 de janeiro de 2021
INSS: prova de vida de aposentados é suspensa até fevereiro

INSS: prova de vida de aposentados é suspensa até fevereiro

Portaria foi publicada hoje no Diário Oficial da União Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que não fizeram a prova de vida entre março de 2020 e fevereiro deste ano não terão seus benefícios bloqueados. A Portaria nº 1.266/2021, publicada hoje (20) no Diário Oficial da União, prorroga a interrupção do bloqueio de benefícios para […]

| 20 de janeiro de 2021

Concursos

Concurso da Câmara de Aracaju abre opção de reembolso

Concurso da Câmara de Aracaju abre opção de reembolso

O concurso da Câmara Municipal de Aracaju, que foi adiado, abriu a opção de reembolso para aqueles candidatos que queiram desistir da prova. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV) e a Câmara Municipal de Aracaju (CMA), o prazo para que o candidato manifeste interesse é até o próximo dia 22. Para que seja reembolsado o […]

| 12 de janeiro de 2021
Concurso da Câmara de Vereadores de Aracaju é adiado pela segunda vez

Concurso da Câmara de Vereadores de Aracaju é adiado pela segunda vez

A Câmara de Vereadores de Aracaju (CMA) anunciou nesta quinta-feira, 29, o adiamento da aplicação das provas do Concurso Público para provimentos de cargos da Casa Parlamentar. O motivo, conforme nota divulgada à imprensa, é o Decreto Estadual nº 40.688, publicado em 5 de outubro de 2020, no qual prorroga o Estado de Calamidade Pública em […]

| 30 de outubro de 2020
João Eloy anuncia porte de arma e concurso público para a perícia em Sergipe

João Eloy anuncia porte de arma e concurso público para a perícia em Sergipe

O Governo do Estado autorizou a realização de um concurso público para a Coordenadoria Geral de Perícias (Cogerp). Com a autorização, em breve, o trabalho de análises e exames periciais ganhará um importante reforço, que irá contribuir na constante melhoria da segurança pública de Sergipe, que já vem sendo registrada e atestada por entidades nacionais. […]

| 24 de outubro de 2020
banner ad
banner ad