banner ad
Advertisement

IML orienta sobre procedimentos para liberação de corpos

| 29 de outubro de 2020

A instituição faz o cadastro do corpo e do familiar que fará a liberação, e é necessário que o corpo seja identificado por procedimentos científicos previstos em lei

O Instituto Médico Legal (IML) segue critérios rigorosos para a liberação dos corpos que chegam à instituição. Ao receber um corpo, o IML realiza um cadastro, no qual são preenchidas todas as informações do cadáver. Apenas após o cadastramento é que o corpo segue para a sala de necropsia, onde são realizados os exames forenses, que definem a causa da morte. O tempo de liberação dos corpos aos familiares é reduzido com a apresentação de documentos com digital, além de fotografias com sorriso e exames odontológicos.

O diretor do IML, Victor Barros, ressaltou que o cadastro obtém todas as informações disponíveis sobre a vítima e que, só após essa coleta de dados, é que são iniciados os exames para identificação da causa da morte. “Ao recebermos um corpo no IML, primeiramente é realizado um cadastro, em que são preenchidas todas as informações, como nome, idade, sexo, data de nascimento, endereço e informações a respeito da ocorrência. Após esse cadastro, o corpo é encaminhado para a sala de necropsia. Nós também coletamos dados do parente que irá liberar o corpo”, informou.

Ele ressaltou que os procedimentos adotados pelo IML seguem as diretrizes legais sobre a atribuição da causa da morte, a partir dos exames necroscópicos. “De acordo com o Código Processual Penal, para toda a infração que deixa vestígio, é imprescindível o exame de corpo de delito. Portanto, todo o crime que dele venha a morte, seja um homicídio, acidente de trânsito, é necessário que seja feito o exame necroscópico. O corpo vai para sala de necropsia, o perito e os técnicos farão os exames”, evidenciou.

Após o encaminhamento para a sala de necropsia, o corpo passa pelos exames de verificação de lesões que podem estar ligadas às causas da morte. “Primeiramente, o exame externo, procurando orifícios de entrada e de saída, marcas de contusões. E em seguida, o interno, das cavidades. É aberta a cavidade toráxica e abdominal, com análise dos órgãos. Após isso, é feita a sutura, o fechamento do corpo. E, em seguida, é liberado”, salientou.

Liberação dos corpos

A liberação do corpo apenas pelo reconhecimento da família está proibida por Lei. Os familiares que podem liberar o corpo são os parentes de 1º grau, como pai, mãe, irmão ou irmã, filho ou filha, além de cônjuge, esposo ou esposa. “Para que haja a liberação do corpo para família é necessário que o corpo seja identificado, através de um dos métodos científicos reconhecidos. A papiloscopia é um deles, em que é feita a análise das digitais, comparando com um documento que a vítima tinha antes da morte, que possa ser comparada à digital do corpo com o documento”, detalhou Victor Barros. 

Ainda de acordo com o diretor do IML, se não houver documento com digital, há a possibilidade de reconhecimento pela arcada dentária. “Nesse caso vai para a odontologia forense, que analisará a arcada dentária, odontograma, e irá comparar com o registro odontológico que a família trará. Para comparar se esses dados batem. Caso o corpo não tenha nenhum tipo de atendimento odontológico prévio, nenhuma foto de sorriso, o corpo vai para antropologia forense”, complementou.

No processo de antropologia forense é feita a identificação por características físicas. “É o estudo dos caracteres do corpo para que possa ser comparado com as informações que a família trará. Mesmo assim, caso não passe pela antropologia, acabam indo para o exame de DNA, em que é comparado com amostras dos pais. Após essa identificação, é que o corpo é liberado. Não é permitida mais a liberação através do reconhecimento, do olhar. Pois está comprovado cientificamente que leva ao erro”, reiterou o diretor do IML.

Serviço de Verificação de Óbito (SVO)

O SVO é um serviço disponibilizado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). “É um serviço destinado a verificar óbitos de causas naturais, principalmente daquelas pessoas que procuram um hospital e vão a óbito antes de que os médicos cheguem a algum diagnóstico. Os casos, que não estão relacionados a crimes, mas que o médico não chegou a um diagnóstico. No SVO, há médicos que fazem a análise do prontuário. Ou seja, são corpos que não estão envolvidos com acidentes de trânsito ou homicídios, por exemplo”, delimitou Victor Barros.

Sem procura dos familiares

O diretor do IML explicou que quando não há a procura de nenhum familiar pelo corpo, existem duas situações possíveis, de acordo com a causa da morte. “Em morte violenta, o corpo é sepultado após um período, geralmente em torno de 30 dias, que é o que preconiza a lei. Ele não pode ser doado para universidades e nem pode ser cremado. São coletados  digitais, além de material de DNA e odontológico, para um futuro confrontamento de dados, caso apareça algum parente. Caso seja morte natural, após 30 dias, pode ser doado para fins acadêmicos, de forma documentada e de acordo com a lei”, salientou.

Fonte: SSP/SE


Tags: ,

Category: Destaques, Polícia

Comments are closed.

Educação

Candidatos infectados por covid-19 terão nova chance de fazer Enem

Candidatos infectados por covid-19 terão nova chance de fazer Enem

Na lista de reaplicação do exame há outras doenças infectocontagiosas Candidatos ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 que forem diagnosticados por alguma doença infectocontagiosa, como o novo coronavírus e, portanto, estiverem impossibilitados de fazer as provas por este motivo, poderão ter uma nova chance.  Em entrevista à Agência Brasil, o presidente substituto do Instituto […]

| 24 de novembro de 2020
Pré-Universitário retoma as aulas presenciais com segurança e tranquilidade

Pré-Universitário retoma as aulas presenciais com segurança e tranquilidade

As turmas do curso Pré-Universitário da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) começaram a retomar, gradativamente, as aulas presenciais, juntamente com as turmas do 3º ano do ensino médio da rede estadual. Na última terça-feira, 17, o retorno se deu em seis polos; na quarta-feira, um polo, e na próxima […]

| 21 de novembro de 2020
Eleição da UFS: MEC interrompe nomeação de novo reitor com base em supostas irregularidades investigadas pelo MPF

Eleição da UFS: MEC interrompe nomeação de novo reitor com base em supostas irregularidades investigadas pelo MPF

Em ofício enviado à Reitoria, o Ministério da Educação solicitou esclarecimentos referente ao Inquérito Civil do Ministério Público Federal Diante de indícios de irregularidades no processo eleitoral para escolha do novo reitor e vice-reitor da Universidade Federal de Sergipe (UFS), o presidente Jair Bolsonaro não nomeou, até o momento, os novos gestores da instituição universitária […]

| 19 de novembro de 2020

Economia

Procon/SE orienta sobre os direitos dos consumidores durante Black Friday

Procon/SE orienta sobre os direitos dos consumidores durante Black Friday

A Black Friday acontece oficialmente na próxima sexta-feira, 27. Mas, as lojas já começaram a temporada de promoções em todo o país. Com isso, visando garantir os direitos dos consumidores em meio a tantas ofertas, o Procon/SE traz orientações sobre as garantias legais previstas no Código de Defesa do Consumidor (CDC) e também para a […]

| 23 de novembro de 2020
Maioria dos reajustes até outubro tiveram ganhos reais, diz Dieese

Maioria dos reajustes até outubro tiveram ganhos reais, diz Dieese

Em 41% das negociações houve reajustes superiores ao INPC A maioria dos reajustes salariais no país, considerando o período do início do ano até outubro, resultou em ganhos reais para os trabalhadores (acima da inflação). Em 41% das negociações houve reajustes superiores ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Os dados, divulgados hoje (24), […]

| 23 de novembro de 2020
Auxílio emergencial é creditado para nascidos em dezembro

Auxílio emergencial é creditado para nascidos em dezembro

Também recebem hoje beneficiários do Bolsa Família com NIS 4 Cerca de 3,4 milhões de beneficiários do auxílio emergencial, nascidos em dezembro, recebem hoje (20) R$ 1,3 bilhão em suas contas poupança social digital. Desse total, 633,8 mil recebem R$ 415,1 milhões referentes às parcelas do auxílio emergencial. Os demais, 2,8 milhões, serão contemplados com […]

| 20 de novembro de 2020

Concursos

Concurso da Câmara de Vereadores de Aracaju é adiado pela segunda vez

Concurso da Câmara de Vereadores de Aracaju é adiado pela segunda vez

A Câmara de Vereadores de Aracaju (CMA) anunciou nesta quinta-feira, 29, o adiamento da aplicação das provas do Concurso Público para provimentos de cargos da Casa Parlamentar. O motivo, conforme nota divulgada à imprensa, é o Decreto Estadual nº 40.688, publicado em 5 de outubro de 2020, no qual prorroga o Estado de Calamidade Pública em […]

| 30 de outubro de 2020
João Eloy anuncia porte de arma e concurso público para a perícia em Sergipe

João Eloy anuncia porte de arma e concurso público para a perícia em Sergipe

O Governo do Estado autorizou a realização de um concurso público para a Coordenadoria Geral de Perícias (Cogerp). Com a autorização, em breve, o trabalho de análises e exames periciais ganhará um importante reforço, que irá contribuir na constante melhoria da segurança pública de Sergipe, que já vem sendo registrada e atestada por entidades nacionais. […]

| 24 de outubro de 2020
Credenciamento de prestadores privados para a realização de mutirão de cirurgias eletivas encerra nesta sexta-feira

Credenciamento de prestadores privados para a realização de mutirão de cirurgias eletivas encerra nesta sexta-feira

Está prevista a contratualização de três mil procedimentos de média complexidade para atender a demanda reprimida que se formou com a suspensão dos serviços eletivos durante a pandemia do novo coronavírus A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que encerra nesta sexta-feira (16), o credenciamento para prestadores privados de serviços de saúde ambulatorial e […]

| 15 de outubro de 2020
banner ad
banner ad