Brics avançam na cooperação em ciência e tecnologia

| 13 de novembro de 2019
VI Cúpula do Brics é realizada com segurança máxima em Fortaleza (CE)( Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Na extensa agenda da Cúpula dos Brics que ocorre esta semana em Brasília, os temas de ciência, tecnologia & inovação (CTI) vêm ganhando força por meio de diversas iniciativas de cooperação entre as nações do grupo. De pesquisas conjuntas a ampliação de mercado para startups, os projetos desenvolvidos nos últimos anos abrem oportunidades para acadêmicos, possibilitando avançar nos sistemas de inovação dos países.

Brics é o nome do grupo econômico de países considerados “emergentes”, formado atualmente pelo Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul.

Para organizar as atividades de cooperação em pesquisa, foram criados grupos de trabalho abrangendo diversos temas, como prevenção e monitoramento de desastres naturais; energias novas e renováveis e eficiência energética; ciências de materiais e nanotecnologia; tecnologias da informação e comunicação; e computação de alto desempenho.

Outros temas incluídos nos programas de produção de conhecimento conjuntas são astronomia; biotecnologia e biomedicina; ciências e tecnologias relacionadas aos oceanos e aos pólos; tecnologia geoespacial e suas aplicações; e fotônica. Os grupos se reúnem uma vez por ano, mas vão mantendo conversas e desenvolvendo os trabalhos conjuntos.

Uma das ações consistiu no lançamento de chamadas conjuntas de projetos conduzidos por universidades de diferentes países do grupo. Desde 2016, foram selecionados 91 projetos a partir de 1.100 submissões, que envolveram 3.400 pesquisadores. O prazo das pesquisas termina em 2020, quando serão avaliados seus resultados e iniciado um novo ciclo.

Na área de ciências oceânicas, a interlocução já resultou na realização de cruzeiros conjuntos com representantes dos diversos países. Uma nação que realizaria uma viagem abre espaço para investigadores de outros locais do grupo.

Infraestrutura

De acordo com o coordenador-geral de cooperação multilateral do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Carlos Matsumoto, um segundo pilar da cooperação está nas ações de infraestrutura de pesquisa.

Como resultado, foi criada uma plataforma para trocar e organizar o acesso ao conhecimento disponibilizado pelos países, batizada de Brics Grain.

“Ela foi lançada no ano passado, está em fase experimental. Ali conseguimos identificar pesquisas, investigadores podem ver como acessar infraestruturas. Agora a gente vai ver como melhorar qualidade das informações. Vai ter uma outra reunião em Shangai, na China, para ver os próximos passos”, disse Matsumoto.

Inovação

Outro projeto conjunto desenvolvido foi a montagem de uma rede de inovação do grupo denominada i-Brics Network. O propósito é conectar estruturas como parques tecnológicos, incubadoras e aceleradoras de modo a ampliar as possibilidades conjuntas de apoio e atuação das pequenas empresas de tecnologia, as chamadas startups nesses países.

“A iniciativa acabou de ser criado na reunião dos ministros de CT&I, em setembro. A gente vai produzir uma plataforma para que haja contato entre startup e incubadoras. Se uma startup brasileira quiser ir a outro país, entrar naquele mercado, vai ter todo apoio do parque tecnológico daquele país”, afirmou o coordenador de cooperação do MCTIC.

Em declaração divulgada após encontro em Campinas, em setembro, os ministros de CT&I pontuaram que a rede “promove diálogo e conhecimento mútuo, construção de capacidade e apoio cruzado em uma visão para fortalecer os sistemas de inovações dos Brics”.

Longo prazo

Os programas de cooperação também visam a promover ações de longo prazo. Uma das iniciativas é a interlocução entre cientistas. No Rio de Janeiro foi realizado um Fórum de Jovens Cientistas do Brics, que reuniu 100 pesquisadores em espaços onde puderam apresentar suas pesquisas e trocar impressões e conhecimentos com acadêmicos dos países do grupo.

“No Brasil, a gente tem muita colaboração com os Estados Unidos e países da Europa. A ideia do Fórum é que, nos primeiros anos de carreira, os pesquisadores considerem uma contraparte dos países do Brics como colaborador natural”, disse Carlos Matsumoto.

Outras iniciativas

A cooperação não ocorre apenas em iniciativas articuladas pelos governos do Brics. O professor de Comunicação da Universidade de Brasília Fernando Paulino integra um destes exemplos: o projeto “Fluxos de mídia: o desafio para os Brics”. Ele considera que tem crescido a interação entre os pesquisadores do bloco.

“Existe um interesse acadêmico significativo nas ações e possibilidades do bloco e participar de um projeto ligado aos Brics significa interagir e fortalecer perspectivas metodológicas e geopolíticas. Após a criação do bloco, por exemplo, os encontros científicos internacionais da Comunicação têm sido momentos de interação com colegas de variadas regiões, alianças estratégicas que também dão mais visibilidade para a produção realizada em cada um dos países”, destacou o docente.

Fonte; Agência Brasil

Category: Destaques, Mundo

Comments are closed.

Educação

Projeto do Executivo institui Programa Estadual do Transporte Escolar

Projeto do Executivo institui Programa Estadual do Transporte Escolar

O Governo do Estado encaminhou para a apreciação e votação dos deputados estaduais o projeto de lei que institui o Programa Estadual do Transporte Escolar (PETE/SE), com o objetivo de transferir recursos financeiros diretamente aos Municípios que realizem, nas suas respectivas áreas de circunscrição, o transporte escolar de alunos matriculados na Rede Estadual de Ensino, […]

| 5 de dezembro de 2019
Professores e professoras deliberam fim da greve e desocupam a Alese

Professores e professoras deliberam fim da greve e desocupam a Alese

A resistência, a força e a luta fez desta greve dos professores e professoras da rede estadual vitoriosa. A categoria está com suas atividades paralisadas desde o dia 26 de novembro. A partir da greve e da ocupação da Assembleia Legislativa, os professores e professoras conseguiram manter o direto ao triênio; o direito às incorporações das […]

| 4 de dezembro de 2019
2% dos alunos brasileiros têm nota máxima em avaliação internacional

2% dos alunos brasileiros têm nota máxima em avaliação internacional

Pisa 2018 foi aplicado em 79 países a 600 mil estudantes de 15 anos O Brasil teve uma leve melhora nas pontuações de leitura, matemática e ciências no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa), mas apenas dois a cada 100 estudantes atingiram os melhores desempenhos em pelo menos uma das disciplinas avaliadas. Os resultados […]

| 3 de dezembro de 2019

Economia

Exportações de carne podem fechar 2019 com resultado recorde

Exportações de carne podem fechar 2019 com resultado recorde

As exportações brasileiras de carnes bovinas devem fechar o ano de 2019 com 1,83 milhão de toneladas embarcadas e receita de US$ 7,5 milhões. Se esses números se confirmarem, representarão um crescimento de 11,3% e 13,3%, de acordo com a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec), que divulgou os dados hoje (10), na […]

| 10 de dezembro de 2019
Governador de Sergipe recebe direção da Proquigel/Unigel para tratar da retomada das operações da Fafen

Governador de Sergipe recebe direção da Proquigel/Unigel para tratar da retomada das operações da Fafen

Nesta terça-feira (10), o governador Belivaldo Chagas reuniu-se com o diretor de Relações Institucionais do Grupo Unigel, Roberto Fiamenghi, e com os consultores Eduardo Barretto e Adary Oliveira, para discutir a retomada das atividades da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen) em Sergipe. Representantes de diversos órgãos do Estado (Sedetec, Codise, Agrese, PGE, Adema, Deso, Sergas […]

| 10 de dezembro de 2019
Caixa começou a pagar hoje o 13º do Bolsa Família

Caixa começou a pagar hoje o 13º do Bolsa Família

Os beneficiários do Bolsa Família começarão a receber nesta terça-feira (10) o abono natalino, equivalente ao décimo terceiro do benefício. Instituído pela Medida Provisória 898, editada em outubro, o abono consiste no benefício pago em dobro em dezembro. Segundo a Caixa Econômica Federal, que administra os pagamentos, 13,1 milhões de famílias estão sendo atendidas pelo […]

| 10 de dezembro de 2019

Concursos

Alese convoca mais 12 aprovados no concurso

Alese convoca mais 12 aprovados no concurso

O presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado Luciano Bispo (MDB), está convocando mais 12 candidatos aprovados no  primeiro concurso público realizado ano passado, para o preenchimento de vagas em cargos efetivos do quadro de pessoal da Alese. As provas foram administradas pela Fundação Carlos Chagas e os primeiros colocados nas diversas áreas, já estão […]

| 13 de dezembro de 2019
Concursos: 14 órgãos abrem inscrições nesta segunda para mais de 2,8 mil vagas

Concursos: 14 órgãos abrem inscrições nesta segunda para mais de 2,8 mil vagas

Pelo menos 14 concursos públicos abrem inscrições nesta segunda-feira (11) no país para preencher mais de 2,8 mil vagas. Há oportunidades para profissionais de todos os níveis de escolaridade, com oportunidades em x estados. Além das vagas abertas para preenchimento imediato, há concursos para formação de cadastro de reserva – ou seja, os candidatos aprovados […]

| 10 de novembro de 2019
Prefeitura de Cristinápolis abre concurso público para mais de 200 vagas

Prefeitura de Cristinápolis abre concurso público para mais de 200 vagas

Estão abertas as inscrições do Concurso Público e dos Processos Seletivos Simplificados da Prefeitura de Cristinápolis/SE. Os certames realizados pela Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências – Fundatec oferecem 220 vagas e formação de cadastros de reserva. As oportunidades são para diversos cargos, nos níveis de escolaridade Superior, Técnico, Médio e Fundamental Completos e […]

| 5 de novembro de 2019
banner ad
banner ad