2% dos alunos brasileiros têm nota máxima em avaliação internacional

| 3 de dezembro de 2019
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Pisa 2018 foi aplicado em 79 países a 600 mil estudantes de 15 anos

O Brasil teve uma leve melhora nas pontuações de leitura, matemática e ciências no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa), mas apenas dois a cada 100 estudantes atingiram os melhores desempenhos em pelo menos uma das disciplinas avaliadas. Os resultados da avaliação, que é referência mundial, foram divulgados hoje (3), pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). 

O Pisa 2018 foi aplicado em 79 países e regiões a 600 mil estudantes de 15 anos. No Brasil, cerca de 10,7 mil estudantes de 638 escolas fizeram as provas. O país obteve, em média, 413 pontos em leitura, 384 pontos em matemática e 404 pontos em ciências. Na última avaliação, aplicada em 2015, o Brasil obteve, 407 em leitura, 377 em matemática  e 401 em ciências.

As pontuações obtidas pelos estudantes colocam o Brasil no nível 2 em leitura, no nível 1 em matemática e também no nível 1 em ciências, em uma escala que vai até 6. Pelos critérios da OCDE, o nível 2 é considerado o mínimo adequado. Ao todo, quase metade, 43,2% dos estudantes brasileiros ficaram abaixo do nível 2 nas três disciplinas avaliadas. Na outra ponta, apenas 2,5% ficaram nos níveis 5 e 6 em pelo menos uma das disciplinas.

O Brasil ficou abaixo das médias dos países da OCDE. Em leitura, os 37 países membros do grupo, composto por exemplo, por Canadá, Finlândia, Japão e Chile, obtiveram 487 pontos em leitura, 489, em matemática e 489, em ciências. Como na avaliação 35 pontos equivalem a um ano de estudos, o Brasil está a pouco mais de dois anos atrás desses países.  Na OCDE, 15,7% dos estudantes estão nos níveis 5 e 6 em pelo menos uma disciplina e 13,4% estão abaixo no nível 2. 

O desempenho na avaliação posicionou o Brasil no 57ª lugar entre os 77 países e regiões com notas disponíveis em leitura, na 70ª posição em matemática e na 64º posição em ciências, junto com Peru e Argentina, em um ranking com 78 países. China e Singapura lideram os rankings das três disciplinas. O Brasil, nos três fica atrás de países latino americanos como Costa Rica, Chile e México. Supera, no entanto, Colômbia e Peru em leitura e a Argentina em leitura e matemática. 

Apesar de participar do relatório, os resultados do Vietnã não são comparáveis, de acordo com a OCDE e, por isso não fazem parte do ranking, e a Espanha não teve os resultados de leitura divulgados. 

Leitura 

O Pisa é aplicado a cada três anos e, a cada edição, a ênfase é em uma das disciplinas. Nessa edição, o foco é em leitura. Em 2009, último ano, em que o foco foi em leitura, o Brasil obteve 412 pontos. De acordo com a OCDE, o Brasil não apresentou grandes saltos desde esse ano. “Depois de 2009, na matemática, assim como na leitura e na ciência, o desempenho médio pareceu flutuar em torno de uma tendência estável”, diz o relatório. 

No Brasil, metade dos estudantes obteve pelo menos o nível 2 em leitura. Isso significa que esses estudantes são capazes de identificar a ideia principal de um texto de tamanho moderado e que podem refletir sobre o objetivo e a forma dos textos quando recebem instruções explícitas. Entre os países da OCDE, em média, 77% dos estudantes obtiveram esse desempenho.

Já os estudantes que obtiveram as melhores notas em leitura, que no Brasil representam apenas 2%, são capazes de compreender textos longos, lidar com conceitos abstratos e estabelecer distinções entre fato e opinião, com base em pistas implícitas relativas ao conteúdo ou fonte das informações. Entre os países da OCDE, 9% dos estudantes estão nos melhores níveis.

Matemática e ciências

Após queda na última avaliação, em 2015, a nota dos estudantes brasileiros em matemática voltou a crescer, mas apenas um a cada três estudantes, 32%, teve o desempenho mínimo – nível 2 ou superior. Entre os países da OCDE, três a cada quatro estudantes, 76%, obtiveram esse resultado. 

Apenas 1% dos brasileiros está no nível 5 ou 6 em matemática. A média da OCDE é 11%. Esses alunos podem resolver situações complexas matematicamente.

Em ciências 45% dos estudantes brasileiros estão pelo menos no nível 2 e 1% está entre os melhores. Entre os países da OCDE, essas porcentagens são respectivamente, 78% e 7%.

Desigualdade 

De acordo com a OCDE, o nível socioeconômico dos estudantes teve impacto no desempenho nas provas. No Brasil, a diferença de desempenho entre aqueles com nível socioeconômico alto e aqueles com nível baixo, foi de 97 pontos em leitura, o que equivale a quase três anos de estudo. Essa diferença superou a média da OCDE, que é de 89 pontos.  

Por Mariana Tokarnia/Agência Brasil

Tags: ,

Category: Brasil, Destaques, Educação

Comments are closed.

Educação

Governo abre Processo Seletivo para professor, coordenador pedagógico e administrativo-financeiro do Tempo Integral

Governo abre Processo Seletivo para professor, coordenador pedagógico e administrativo-financeiro do Tempo Integral

No ato da inscrição, o candidato deverá anexar os arquivos, em formato pdf ou jpg de no máximo 2 MB, dos documentos originais ou autenticados O Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), abre inscrições para o Processo Seletivo Simplificado para atuar como professores de […]

| 22 de janeiro de 2020
Pré-universitário: mais de 12 mil candidatos são esperados para prova neste domingo, 26

Pré-universitário: mais de 12 mil candidatos são esperados para prova neste domingo, 26

Os candidatos concorrem a uma das 5.195 vagas distribuídas nos 41 pólos espalhados pelo estado No próximo domingo (26), mais de 12 mil inscritos realizarão a prova do Processo Seletivo para o Pré-universitário (PreUni) do Governo de Sergipe. Os candidatos concorrem a uma das 5.195 vagas distribuídas nos 41 pólos espalhados pelo estado.  As provas acontecerão […]

| 20 de janeiro de 2020
Alunos da rede estadual alcançam bons resultados na redação do Enem 2019

Alunos da rede estadual alcançam bons resultados na redação do Enem 2019

Os estudantes da rede estadual de ensino que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019 estão se destacando na nota da prova de redação. Os resultados finais, tanto da redação, quanto das outras áreas do conhecimento, já estão disponíveis na Página do Participante, do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio […]

| 20 de janeiro de 2020

Economia

Começa hoje pagamento do Bolsa Família

Começa hoje pagamento do Bolsa Família

Serão repassados R$ 2,5 bi para mais de 13 milhões de famílias Começa hoje (20) o pagamento de janeiro do Bolsa Família para os beneficiários cujo Número de Identificação Social (NIS) termina em 1. O número vem impresso no cartão do programa. Quem tem cartão com final 2 pode sacar o benefício no segundo dia de pagamento, e assim […]

| 20 de janeiro de 2020
Caixa e Banco do Brasil começam a pagar hoje abono do PIS/Pasep

Caixa e Banco do Brasil começam a pagar hoje abono do PIS/Pasep

O pagamento do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) do calendário 2019/2020, para os trabalhadores nascidos no mês janeiro e fevereiro, começou nesta quinta-feira (16). De acordo com a Caixa, os valores variam de R$ 87 a R$ 1.039, conforme a quantidade de dias trabalhados durante o ano base 2018. Os titulares com […]

| 16 de janeiro de 2020
Reunião na ANP discute construção de gasodutos em Sergipe

Reunião na ANP discute construção de gasodutos em Sergipe

Debate foi levantado pelo governo sergipano e poderá garantir a segurança no abastecimento de gás natural na região Nordeste Atendendo a um pedido do Governo de Sergipe, a Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP), realizou na tarde desta quarta-feira (15), no Rio de Janeiro, uma reunião para discutir questões regulatórias no intuito de […]

| 15 de janeiro de 2020

Concursos

Governo abre Processo Seletivo para professor, coordenador pedagógico e administrativo-financeiro do Tempo Integral

Governo abre Processo Seletivo para professor, coordenador pedagógico e administrativo-financeiro do Tempo Integral

No ato da inscrição, o candidato deverá anexar os arquivos, em formato pdf ou jpg de no máximo 2 MB, dos documentos originais ou autenticados O Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), abre inscrições para o Processo Seletivo Simplificado para atuar como professores de […]

| 22 de janeiro de 2020
Prefeitura de Aracaju publica resultado provisório da heteroidentificação do PSS da Juventude e Esporte

Prefeitura de Aracaju publica resultado provisório da heteroidentificação do PSS da Juventude e Esporte

Os candidatos que se autodeclararam afrodescendentes no Processo Seletivo Simplificado para o projeto “Seleções do Futuro”, da Secretaria Municipal da Juventude e do Esporte (Sejesp), já podem consultar o resultado provisório do procedimento de heteroidentificação, realizado na segunda-feira (20), na sede da Prefeitura de Aracaju. O Edital Nº06, que traz a lista com os nomes dos […]

| 21 de janeiro de 2020
Samu 192 Sergipe lança edital do processo seletivo para Curso de atendimento pré-hospitalar

Samu 192 Sergipe lança edital do processo seletivo para Curso de atendimento pré-hospitalar

As inscrições estarão abertas a partir do dia 1º de janeiro e acontecerão em duas etapas: on-line e presencial O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Sergipe), através do seu Núcleo de Educação Permanente, lançou o Edital do Processo Seletivo 2020 do Curso de Atendimento Pré-Hospitalar (APH) para acadêmicos, com a oferta de […]

| 24 de dezembro de 2019
banner ad
banner ad