Protestos contra mudança da embaixada dos EUA deixam dezenas de mortos em Gaza

| 14 de maio de 2018

Embaixada dos EUA em Jerusalém: protesto na inauguração deixa mortos e feridos

Gaza vive nesta segunda-feira o dia mais sangrento desde que a onda de protestos palestinos em massa começou em 30 de março. As manifestações de dezenas de milhares de moradores da Faixa—que lançaram pedras e pneus em chamas— devido a mudança da embaixada dos EUA para Jerusalém, matou pelo menos 25 manifestantes e deixou centenas de feridos a bala na fronteira da Faixa de Gaza com Israel por disparos de soldados, de acordo com fontes de saúde que atuam na área. É um recorde de vítimas sem precedentes em Gaza em um único dia desde a guerra de 2014. Um porta-voz militar israelense disse que, apesar das advertências emitidas pelo Exército, mais de 35.000 palestinos estão participando dos protestos em mais de uma dúzia de pontos na cerca de separação, com bombas incendiárias e explosivos. A fronteira foi declarada zona militar fechada.

AFP Um palestino ferido pelos protestos na fronteira de Gaza é evacuado por sanitários

O local vive uma greve geral em que foram fechados centros oficiais e educativos, assim como os comércios. A mudança da embaixada, um gesto simbólico após os EUA mudarem sua postura de não reconhecer Jerusalém como capital de Israel até que a disputa fosse resolvida pelo acordo de paz,  coincide com o 70º aniversário da criação do Estado hebreu, segundo o calendário gregoriano. A data também assinala a véspera do Dia da Nakba (desastre, em árabe), em que os palestinos relembram sete décadas de exílio e de perda de territórios.

Desde o último dia 30 de abril, a chamada Grande Marcha da Volta suscitou manifestações em massa no limite da Faixa de Gaza com Israel, que já haviam deixado 54 mortos —o último, na última sexta-feira— e centenas de feridos por disparos de soldados.

O Exército advertiu à população da área costeira, mediante folhetos escritos em árabe lançados de aviões, para não se aproximar da cerca de separação. “Planejamos um acréscimo das unidades de combate, das forças especiais, do serviços de inteligência e de unidades de franco-atiradores”, afirmou um comunicado militar.

Enquanto isso, a tensão aumenta em Jerusalém. Às 16h locais (10h em Brasília) está prevista a cerimônia oficial de abertura da embaixada, mudada de Tel Aviv por uma decisão da Casa Branca que rompeu o consenso internacional. A delegação norte-americana que participará da cerimônia está formada por Ivanka Trump, filha do mandatário norte-americano, Donald Trump, e seu marido, Jared Kushner, assessor presidencial, assim como pelo secretário de Tesouro, Steve Mnuchin, e o subsecretario de Estado, John Sullivan.

A Embaixada dos Estados Unidos abrirá suas portas de forma provisória em um escritório consular já existente localizado num distrito periférico do sul da cidade. Se localizará em plena Linha Verde, a terra de ninguém que separou a parte ocidental —onde Israel instalou sua capital depois de seu nascimento, há 70 anos— da zona com maioria de população palestina e baixo administração jordaniana—, que inclui a Cidade Velha e os locais sagrados das três religiões monoteístas.

Junto às bandeiras israelenses, centenas de bandeiras norte-americanas balançam nas ruas de Jerusalém ao lado de cartazes gigantes que dizem: “Trump fez de Israel grande novamente”.

A polícia israelense reforçou com mil agentes a área da nova embaixada. Organizações pró-palestinas convocaram para a hora da cerimônia de abertura uma concentração na nova delegação. Mas as forças de segurança temem antes de mais nada que os protestos transbordem para os postos de controle e vigilância militar situados nas fronteiras de Gaza e Cisjordânia, onde foram despachadas com urgência três brigadas de Infantaria. Várias brigadas do Exército foram dispersadas em torno da Cisjordânia e Gaza diante do previsto aumento de uma onda de protestos.

O primeiro-ministro palestino, RamiHamdallah, condenou a mudança de endereço da embaixada na véspera da Nakba. “A Nakba representa uma série de tragédias coletivas que levou à destruição de ao menos 418 populações e o deslocamento forçado de 70% de nosso povo”, assegurou ele em um comunicado oficial citado pela Agência de Notícias EFE. O secretário-geral da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), Saeb Erekat, afirmou que a mudança diplomática de Tel Aviv representa “um infame ato hostil contra o direito internacional e contra o povo da Palestina, que coloca os Estados Unidos do lado da potencia ocupante, Israel”.

Fonte: EL PAÍS

Notícias Relacionadas

Senado da Argentina inicia debate sobre descrimina... Argentina se divide em relação à descriminalização do aborto (Monica Yanakiew/Agência Brasil) Um mês e meio depois de a Câmara da Argentina aprovar ...
Meninos presos em caverna na Tailândia terão alta ... Os 12 garotos de um time de futebol, de 11 a 16 anos, que ficaram presos em uma caverna, por mais de duas semanas, em Tham Luang, na Tailândia, terã...
Após encontro com Putin, Trump é criticado por opo... O presidente dos EUA, Donald Trump, e o presidente russo, Vladimir Putin, realizam uma coletiva de imprensa conjunta após a reunião - Grigory Dukor/R...
Cinco mortes confirmadas após tiroteio em jornal n... Policiais estão próximos ao edifício do jornal Capital Gazette, onde ocorreu tiroteio com cinco mortos. - Joshua Roberts Autoridades também conf...
Rússia: taxista que atropelou multidão alega ter &... Reuters Rússia: taxista que atropelou multidão alega ter 'confundido os pedais' Horas após um grupo de torcedores ser atropelado em Moscou, a políci...

Category: Mundo

Comments are closed.

Educação

Educação de Aracaju mostra crescimento no Ideb 2017

Educação de Aracaju mostra crescimento no Ideb 2017

Dentre as áreas priorizadas pela administração do prefeito Edvaldo Nogueira, uma delas, em particular, vem recebendo um carinho especial da gestão nestes seus primeiros 21 meses. Trata-se da Educação, tema referido pela quase totalidade dos gestores, mas, de fato, executado por poucos. Frente ao cenário de abandono encontrado, a administração municipal colocou em prática um […]

| 12 de setembro de 2018
Avaliação do MEC mostra Sergipe abaixo da média nacional na educação

Avaliação do MEC mostra Sergipe abaixo da média nacional na educação

Os índices do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) divulgados nesta quinta-feira (30) pelo Ministério da Educação, revelam que o estado de Sergipe, apesar de apresentar uma pequena progressão em alguns itens entre 2015 e 2017, continua abaixo da média nacional. O sistema avaliou entre 23 de outubro e 3 de novembro de 2017 mais de […]

| 31 de agosto de 2018
Continuam abertas inscrições para cursos técnicos em Aracaju e em Poço Redondo

Continuam abertas inscrições para cursos técnicos em Aracaju e em Poço Redondo

O Centro Estadual de Educação Profissional José Figueiredo Barreto, em Aracaju, está com as inscrições abertas para os cursos técnicos em Serviços de Condomínio, Serviços de Restaurante e Bar, Redes de Computadores, na forma subsequente (ensino médio concluído). As inscrições vão até o dia 17 de agosto, devendo ser feitas na sede da unidade de […]

| 15 de agosto de 2018

Economia

Pessoas com até 60 anos têm até o dia 28 para sacar o PIS

Pessoas com até 60 anos têm até o dia 28 para sacar o PIS

Cerca de 4,5 milhões de pessoas nessa faixa etária ainda não resgataram o benefício. Cotistas do PIS com menos de 60 anos têm até o dia 28 para sacar o benefício. Têm direito os trabalhadores cadastrados no Fundo PIS/PASEP entre 1971 e 4 de outubro de 1988 que ainda não sacaram o saldo total de […]

| 19 de setembro de 2018
Gasolina tem novo aumento em menos de 24 horas e bate recorde

Gasolina tem novo aumento em menos de 24 horas e bate recorde

Em Aracaju, o litro beira R$ 5 em alguns postos; grande parte do preço final é de impostos O reajuste de 1,02% no preço médio do litro da gasolina anunciado na quarta-feira (12) pela Petrobras mal chegou às bombas e a estatal já divulgou um novo aumento. Nesta quinta-feira (13), a Petrobras informou que elevou em […]

| 14 de setembro de 2018
Em dois meses, preço de massas e pães subiu 10% no país

Em dois meses, preço de massas e pães subiu 10% no país

Desvalorização do real e cotação internacional do trigo explicam alta Desde julho, os preços de produtos à base de trigo, como massas alimentícias, pães e biscoitos, além da própria farinha de trigo, já aumentaram em até 10%, segundo estimativas de entidades que representam a indústria do setor no país. O percentual representa cerca de 40 vezes […]

| 14 de setembro de 2018

Concursos

Alese retifica resultado final do concurso realizado em abril

Alese retifica resultado final do concurso realizado em abril

O presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado Luciano Bispo (MDB) retificou e considerou como resultado final, a relação dos candidatos habilitados, referente ao edital nº 07/2018 para o I Concurso Público visando o provimento de cargos efetivos do quadro de pessoal da Alese. O concurso foi publicado no Diário Oficial do Estado, edição nº […]

| 10 de setembro de 2018
Justiça mantém TAF nesse fim de semana para classificados no concurso da PM/SE

Justiça mantém TAF nesse fim de semana para classificados no concurso da PM/SE

Por decisão judicial os classificados para a segunda fase do concurso de soldado da Polícia Militar de Sergipe realizado pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), vão fazer normalmente o Teste de Aptidão Física (TAF) marcado para os dias 02, 03 e 04 de setembro pelo Instituto Brasileiro de […]

| 31 de agosto de 2018
Divulgado resultado final do PSS para Recepcionista da Saúde

Divulgado resultado final do PSS para Recepcionista da Saúde

A Prefeitura de Aracaju divulgou nesta quinta-feira, 26, no Diário Oficial, o resultado final do Processo Seletivo Público Simplificado (PSS) para a contratação de 65 profissionais, mais cadastro reserva, que deverão atuar como recepcionistas de Unidades de Saúde da capital. O PSS para recepcionista da Saúde foi lançado em maio deste ano, e esta foi […]

| 28 de julho de 2018
banner ad
banner ad