Fachin vota por afastamento de parlamentar sem aval do Congresso

| 11 de outubro de 2017

Brasília – O ministro Luiz Edson Fachin durante sessão plenária extraordinária no STF. Esta é a última sessão antes das férias forenses dos ministros (José Cruz/Agência Brasil)

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), votou hoje (11) a favor de que a Corte possa impor, nos casos em que julgar necessário, medidas cautelares alternativas à prisão contra parlamentares, entre elas o afastamento das funções públicas. Ele é o relator da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) sobre o tema que está sendo julgado em plenário.

Fachin, que também é o relator das ações da Operação Lava Jato, entendeu que a imunidade parlamentar deve ser interpretada de forma restrita, à luz de outros princípios republicanos fundamentais que considerou mais fortes, como a vedação de se conferir privilégios ou de se impor tratamento discriminatório a qualquer cidadão, bem como o dever de responsabilização de agentes públicos por seus atos.

“A jurisprudência deste Supremo Tribunal Federal tem tradicional e repetidamente assentado que as hipóteses previstas na Constituição que impeçam a responsabilização de agentes políticos e membros de poder devem ser interpretadas em seus estritos limites, não se permitindo alargamentos via interpretação extensiva”, disse o ministro.

Fachin disse que a Constituição prevê revisão por parte da Câmara e do Senado somente nos casos de prisão em flagrante por crime inafiançável “e apenas isso”.

“Estender essa competência para permitir a revisão, por parte do Poder Legislativo, das decisões jurisdicionais sobre medidas cautelares penais significa ampliar a imunidade para além dos limites da própria normatividade enredada pela Constituição. É uma ofensa ao postulado republicano e é uma ofensa à independência do Poder Judiciário”, afirmou Fachin.

O julgamento foi suspenso pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, e deve ser retomado à tarde.

Argumentos contrários

Antes do voto de Fachin, em sustentação oral no plenário, o ex-procurador-geral da República e advogado do Partido Progressista (PP), Aristides Junqueira, defendeu que a única possibilidade de aplicação, contra parlamentares, das medidas cautelares alternativas à prisão previstas no artigo 319 do Código de Processo Penal seria quando o congressista fosse flagrado praticando crime inafiançável.

“Não existindo prisão em flagrante e nem havendo a possibilidade de substitui-la a uma prisão cautelar, não é possível a aplicação do artigo 319 [do CPP]”, argumentou Junqueira, que atuou no caso como advogado do PP, um dos partidos que propôs a abertura da ação.

O argumento também foi utilizado pela advogada-geral da União, Grace Mendonça, em parecer enviado ao STF. “Ora, se em desfavor do parlamentar não pode ser decretada prisão preventiva, por certo também que não cabe a fixação de medida cautelar diversa”, diz o texto da AGU.

As advocacias do Senado e da Câmara também utilizaram o mesmo argumento, posteriormente rejeitado por Fachin. O ministro considerou que as medidas previstas no artigo 319 do CPP podem ser consideradas mesmo em outros tipos de situações onde caberia a prisão preventiva, mesmo que não se trate de flagrante em crime inafiançável.

Entenda o caso

A ADI foi proposta pelos partidos PP, PSC e Solidariedade, após o STF ter afastado o então presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) do exercício de seu mandato, no ano passado. Na ação, as legendas defendem que qualquer medida cautelar imposta contra parlamentar deve ser submetida ao aval da Câmara ou do Senado em 24 horas.

A ação teve seu julgamento marcado pela presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, para esta semana, após a Primeira Turma da Corte ter decidido, por 3 votos a 2, no final de setembro, afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG), acusado pela PGR de corrupção passiva, das atividades legislativas.

O tema provocou desconforto entre os poderes, após o Senado ter ameaçado rever a decisão da Primeira Turma, o que acelerou sua apreciação pelo plenário do STF.

Fonte: Agência Brasil

Notícias Relacionadas

Fim da neutralidade de rede nos EUA pode ter impac... A neutralidade na internet foi revogada pelos Estados Unidos em votação na quinta-feiraMarcello Casal Jr/Arquivo/Agência Brasil A decisão da Comissã...
IBGE: 50 milhões de brasileiros vivem na linha de ... Pesquisa diz que o maior índice de pobreza é registrado Região Nordeste, afetando 43,5% da população - Marcelo Casal/Agência Brasil Cerca de 50 milh...
Base nacional curricular para educação básica é ap... O Conselho Nacional de Educação (CNE) aprovou hoje (15) o texto da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), documento que irá orientar os currículos d...
Rodrigo Maia marca votação da reforma da Previdênc... Brasília - Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, durante sessão plenária sobre a Medida Provisória (MP) 795/17, de incentivo à indústria petrolífera (W...
Michel Temer faz apelo a prefeitos para que apoiem... Brasília - O presidente Michel Temer discursa durante reunião com dirigentes da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e prefeitos de todo o país...

Category: Brasil

Comments are closed.

Educação

Duas escolas públicas de Sergipe são as melhores do país em média de notas no ranking nacional do Enem de 2016

Duas escolas públicas de Sergipe são as melhores do país em média de notas no ranking nacional do Enem de 2016

Para se chegar a este resultado, foram consideradas todas as escolas da rede pública do Brasil, com mais de 90 alunos matriculados no Ensino Médio e Indicador Socioeconômico Médio Um dos maiores jornais de circulação do país, Folha de São Paulo (Folha), trouxe a público em sua edição impressa desta terça-feira, 12, as médias por […]

| 13 de dezembro de 2017
Inscrições no Sisu começam no dia 29 de janeiro

Inscrições no Sisu começam no dia 29 de janeiro

As inscrições na primeira edição de 2018 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) terão início no dia 29 de janeiro e vão até as 23h59 de 1º de fevereiro de 2018. Serão oferecidas 239.601 oportunidades em 130 instituições, entre universidades federais, institutos federais de educação, ciência e tecnologia e instituições estaduais. O Sisu é o […]

| 12 de dezembro de 2017
Governo de Sergipe e Confederação Nacional de Bandas de Fanfarras promovem XXIV Campeonato Nacional de Bandas e Fanfarras

Governo de Sergipe e Confederação Nacional de Bandas de Fanfarras promovem XXIV Campeonato Nacional de Bandas e Fanfarras

O Campeonato Nacional de Bandas e Fanfarras 2017 será realizado nos próximos sábado e domingo (9 e 10/12) e reunirá em Aracaju (SE), em torno de quatro mil pessoas e aproximadamente 60 bandas e fanfarras oriundas de 15 estados da federação. Segundo explicou o maestro Rivaldo Dantas, presidente da CNBF e diretor da Banda Interescolar […]

| 5 de dezembro de 2017

Economia

Banese oferece crédito para despesas com educação

Banese oferece crédito para despesas com educação

Os valores máximos para a contratação do crédito vão até R$ 4 mil, a depender da capacidade de pagamento do cliente e análise de crédito O Banco do Estado de Sergipe (Banese) dispõe de crédito parcelado, o Credi-Educação, com o qual os correntistas poderão comprar material escolar, bem como realizar o pagamento das matrículas escolares […]

| 12 de dezembro de 2017
Governo dá prosseguimento a pagamento de servidores nesta terça, dia 12

Governo dá prosseguimento a pagamento de servidores nesta terça, dia 12

Calendário de pagamento teve início dia 01 O governo do Estado dá prosseguimento ao pagamento de servidores estaduais nesta terça-feira, 12. Nessa data, recebem os servidores da Emdagro, Cohidro, Emgetis, Emsetur, Codise, Cehop, Pronese, celetistas e servidores das Fundações de Saúde e servidores do Samu, DER, Adema, Jucese, Detran, ITPS, Fundação Aperipê, Fundação Renascer,  Fapitec, […]

| 11 de dezembro de 2017
Tarifa branca de energia entra em vigor dia 1º, mas consumidor deve ter cautela

Tarifa branca de energia entra em vigor dia 1º, mas consumidor deve ter cautela

Com entrada em vigor prevista para 1º de janeiro do ano que vem, a tarifa branca de energia elétrica pode representar uma diminuição no valor da conta de luz para os que consumirem menos nos horários de pico (entre as 19h e as 21h. A adesão é opcional. A Associação Brasileira de Distribuidores de Energia […]

| 6 de dezembro de 2017

Concursos

Concurso da Alese é assinado no Gabinete da Presidência

Concurso da Alese é assinado no Gabinete da Presidência

Um marco histórico para a Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe ocorreu nesta terça-feira, dia 12 de dezembro de 2017. É que o deputado Estadual, e presidente da Casa Legislativa, Luciano Bispo, assinou  junto a Fundação Carlos Chagas, contrato para  realização do  primeiro Concurso Público da Alese. Além de diversos deputados, a Solenidade de Assinatura […]

| 12 de dezembro de 2017
Pelo menos 87 concursos com inscrições abertas reúnem mais de 23 mil vagas pelo país

Pelo menos 87 concursos com inscrições abertas reúnem mais de 23 mil vagas pelo país

Vagas são para todos os níveis de escolaridade; São Paulo e Minas Gerais são os estados com mais concursos abertos Nesta segunda-feira (11), ao menos 11 órgãos abrem inscrições para mais de 982 vagas e formação de cadastro de reserva para cargos de nível fundamental, médio, técnico e superior. Veja quais são: Prefeitura de Guarapari […]

| 11 de dezembro de 2017
Concursos: pelo menos 12 órgãos abrem inscrições para mais de 2.800 vagas nesta segunda

Concursos: pelo menos 12 órgãos abrem inscrições para mais de 2.800 vagas nesta segunda

Os salários chegam a R$ 10.871,13 na Prefeitura de Tijucasdo Sul (PR). Ao menos 12 órgãos abrem inscrições nesta segunda-feira (4) para mais de 2.800 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de nível fundamental, médio e superior. Os salários chegam a R$ 10.871,13 na Prefeitura de Tijucas do Sul (PR), que abriu […]

| 3 de dezembro de 2017
banner ad
banner ad